sábado, 23 de abril de 2011

A Amizade

Por Renée Venâncio

A amizade é uma paisagem bonita pintada por várias mãos. Ela tem as cores da lealdade, do afeto e da compreensão entre pessoas que se querem bem. Amizade é o companheirismo responsável, é o abraço forte na hora difícil, é a sensação gostosa de poder enxergar nas feições de um estranho a imagem de um verdadeiro irmão. Existe algo de encanto quando a gente começa a fazer parte da história e da vida de um ilustre desconhecido. O destino nos vale muito mais quando ele coloca alguém especial no nosso caminho. Amizade não nasce com a gente, mas nasce da gente, assim como um filho pródigo ou um sonho bom.

Quando a gente vai se tornando amigo de outra pessoa, é possível enxergar a olhos nus como algumas mudanças vão acontecendo. A gente vai se moldando um ao outro e vão surgindo nichos que não existiam dentro do nosso coração. Tudo isso se realiza para que um ilustre desconhecido possa ir se ajeitando, se acomodando e, finalmente, passe a fazer parte da nossa vida. E nesse processo de transformação pela amizade, muitos dos nossos preconceitos e desconfianças acabam caindo por terra e ficando para trás. Fazer amigos é um jeito gratificante de exercitar a tolerância e de aprender a conviver com as diferenças.

Amizade que se preza não se pauta pelo interesse material, pelo oportunismo barato ou pelo desejo de querer andar com quem está na moda. Não se escolhe amigos por serem parecidos com a gente ou com qualquer um que julguemos ter o tipo ideal para freqüentar a nossa casa. Não se escolhe amigos por nenhuma conveniência ou pré-requisito. Aliás, definitivamente, amigos a gente não escolhe... Eles são dádivas que a vida nos traz quando a gente menos espera.

E o tempo de uma amizade não se equivale ao tempo que o relógio marca. A distância que separa grandes amigos não pode ser aferida por léguas ou quilômetros. O que conta para uma grande amizade é a medida do amor que trazemos no coração e o dom divino de jamais conseguir esquecer alguém que significa algo de bom em nossas vidas.

Amigos ignoram as contingências que o destino impõe ao dia-a-dia de cada um. A amizade, quando é sincera, simplesmente independe da distância que separam as pessoas. Naturalmente ela vai se perpetuando, por obra e graça do imenso bem querer que une as almas irmãs. Amizade é rocha que não se move com a força do vento. Amizade é um laço que se aperta cada vez mais durante a incessante caminhada do tempo.

Amizade é uma troca justa de energia e de valores. É um sentimento exemplar que nos impele a fazer por outras pessoas aquilo que gostaríamos que outras pessoas fizessem por nós. Amizade é uma riqueza que não tem preço, mas sim, apreço. Amizade é colo. Amizade é admiração. Amizade, muito mais do que conivência, é ajuda.

Ter amigos é a garantia de um abraço caloroso a qualquer hora, e em qualquer esquina deste mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar

Seguir por E-mail

Tags

Amizade Amor Lealdade Maísa Bortoletto Fabiana Ribeiro Saudade Carinho Companheirismo Fé Esperança Poesia Poema Literatura Rubem Alves Dor Perdão Felicidade Paz Mário Quintana Regina Volpato Lya Luft Charles Chaplin Coragem Aniversário Camões Música Anos 70 José Saramago Martha Medeiros Elegância Correria Vida Moderna Mulher Pai Mãe Filhos